Sábado, 20.03.10

Proposta (in)decente...

 

... para este fim-de-semana. Ou para outro dia qualquer. Who cares?

 

 

"And darling take my hand

 

And lead me through the door

 

Let's kidnap each other

 

And start singing our song"

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Teia d´Aranha às 02:23 | Comentar | Ver comentários (4)
Terça-feira, 12.05.09

Complot, conspiração ou bruxedo é quando...

 

... tens uma cena combinada há tempos infinitos para o fim-de-semana e começas com dores estúpidas na 4ª que passam a insuportáveis na 6ª e te enviam os planos para as urtigas.

 

... por causa dessas dores entras no hospital para que te seja diagnosticada a causa da porra das ditas cujas e sais de lá passadas 9 (nove) horas!

 

... durante essas nove horas ouves um grupo de septuagenárias a desfiar o rol de enfermidades como se concorressem ao prémio "E quem tiver mais doenças ganha um passe social e uma excursão do Inatel às termas de São Pedro do Sul" ou quando uma delas se queixa que em casa da filha não vê os programas de que gosta porque os netos só querem ver Morangos com "açúcre".

 

...  o toque do telemóvel da paciente que está sentada ao teu lado é uma música do Tony Carreira (aqui é que as dores atingiram o clímax!).

 

... te levam a fazer determinado exame e ouves uma voz familiar ordenar-te "Agora, tire o soutien, baixe as calças...". E, assim que vejo o seu olhar surpreso ao dar de caras comigo, penso: "pronto, não te despiste nos tempos da faculdade, agora não tens escapatória!". (Há encontros lixados!)

 

... chegas a casa e és invadida(o) por náuseas que te fazem disparar em direcção ao wc e, de repente, dá-se um "apagão" e quando dás por ti, estás deitada(o) no chão e com o teu telemóvel dentro da sanita (mas Nokia que é Nokia não se deixa abater por tão pouco e, com ajuda do secador, funciona melhor do que nunca).

 

... a medicação que te prescreveram te faz duvidar do sítio onde colocas os pés e confundir um cão com um elefante.

 

... acabas o estupor do fim-de-semana a ter de engolir a vitória dos azúis que berravam "Somos os maiores, carago!" e " O Pinto da Costa é o meu pai!"

 

 

Há fins-de-semana fantásticos, não há? Só não cortei os pulsos nem esvaziei uma vista com receio de passar outras nove horas no hospital...

 

 

 

publicado por Teia d´Aranha às 00:38 | Comentar | Ver comentários (50)
Quarta-feira, 15.04.09

"Anita na praia"... que belo título seria! Caso eu me chamasse Anita...

 

Eu sou uma "gaija" com a mania. A verdade, nua e crua, é essa.

 

Com a mania que tenho jeito para (quase) tudo: mania que sei escrever, mania que tenho bom gosto musical, mania que sou a melhor amiga do mundo, mania que faço o melhor bacalhau com natas do prédio (ou do meu andar, vá... que um bocadinho de modéstia também não me fica nada mal), mania que conduzo melhor do que a Elisabete Jacinto (mesmo não sendo eu patrocinada pelo Trifene 200), mania que sou perspicaz e inteligente como tudo, mania que tenho um corpo que só não foi capa da Playboy tuga porque o tamanho do meu cabelo ainda não dá para tapar as mamas, mania que tenho um sentido de humor e um sarcasmo que só as mentes mais iluminadas conseguem captar... Enfim, a lista seria interminável, caso eu tivesse tempo e caso não tivesse ainda de me ir enfiar com urgência na cozinha para fazer uma panelinha de sopa que, para além do bacalhau com natas, é uma das outras iguarias que faço como ninguém.

 

Mas toda esta merda nota introdutória serviu para quê? Serviu para eu vos revelar uma das minha últimas manias, ou seja, a de que sei fotografar, a de que tenho um talento inato para, com uma objectiva, captar aquilo que o comum dos mortais não consegue.

Só que, neste campo, é pura mania mesmo, uma  vez que o meu talento se resume a carregar no botãozinho que imortalizará esta ou aquela imagem. Porque a verdade verdadinha... é que não percebo a ponta d'um chavelho, embora gostasse (e muito) de dominar todas as técnicas e de ter a capacidade de tirar fotos como as que vêm na revista  National Geographic, mesmo que isso implicasse enfiar-me no Botswana à coca de um elefante albino!

 

E foi o que fiz no passado fim-de-semana. Não mergulhei na savana africana, mas desci à praia e, como paleca* que sou, andei de máquina em punho para poder, hoje, partilhar convosco esses momentos e ser, posteriormente, alvo de chacota... Por isso, estais à vontade!

 

(*paleco: nome que os nazarenos dão a quem não nasceu na Nazaré)

 

 

 

A imagem não deixa margem para dúvidas... É verdade, fui passar a Páscoa às Galápagos! Só não dá para ver as tartarugas porque estavam todas a dar banho à carapaça e, mesmo em ritmo acelerado, já não chegaram a tempo de ficar na fotografia. E eu também tenho a mania que não sou "gaija" para ficar à espera...

 

 Apesar das formas fálicas... não... isto não é nas Caldas da Rainha...

 

A praça dos cafés, um dos locais onde as nazarenas se dedicam a um novo desporto que consiste (se é que eu percebi alguma coisa...) em acertar num caixote (que se vê muito mal, ao fundo) com uma bola semelhante às de ténis... Estas mulheres não param de me surpreender!

 

Quando ia eu já lançada para me deitar, pensando que esta era a zona onde um moço de corpo bronzeado e atlético me iria dar uma daquelas massagens de pôr os meus pelinho todos em pé, eis que vejo a placa que me desfez os sonhos... De falta de sinalização e informação, ninguém se poderá queixar!

 

Há quem exponha, sem qualquer pudor, as suas intimidades... mas isso não significa que as misture com as dos demais... Numa corda a lingerie dela, noutra o cuequedo dele.

 

A Naza(ré), vista da Pederneira.

Eu estou algures, no areal, envergando um minúsculo fio dental. Não dá para ver?! Que azar, pá!

 

Há paisagens que já nos surgem emolduradas...

 

Acabei por ter sorte... Não encontrei o tal elefante albino (talvez tivesse ido comprar uns carapaus enjoados), mas aparecereram umas gaivotas que nem se importaram de fazer pose...

 

E pronto, foi isto... o meu fim-de-semana pascal, sem coelhinho nem ovinhos e (quase) monocromático.

 

  

publicado por Teia d´Aranha às 14:50 | Comentar | Ver comentários (38)

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

2008:

 J F M A M J J A S O N D

 

  • E que tal ter tomates para dizer o que vai vem e o...
  • El meu marit i jo vam tenir la sort de tenir un pr...
  • Oláaa, alguém sabe onde se encontram...
  • Pode ser interessante...Para quem gosta e QUER esc...
  • Fiquei triste, admirava mesmo a forma como escrevi...

subscrever feeds