Domingo, 07.02.10

Ide... ide... e dizei de vossa justiça

 

Por norma, não sou de andar a fazer publicidade a outros blogs. Mas uma vez por outra lá abro uma excepção. Quando essa excepção vale mesmo a pena ser feita. E hoje vale a pena.

 

Poderia dar-vos mil e um motivos para divulgar o blog em causa, mas fico-me por um: é meu (narcisismo em estado puro)! Quer dizer... era meu. Entretanto, passou a ser um blog a quatro mãos, pois há parcerias que não devemos dispensar...

 

Let The Music Do The Talking abordará sempre questões relacionadas com a MÚSICA e fará eco dos pensamentos/opiniões (nada imparciais) dos seus dois autores.

 

Não prometemos ensinar-vos nada, antes aprender e partilhar uma paixão comum a tantos. Enjoy!

 

 

publicado por Teia d´Aranha às 22:52 | Comentar | Ver comentários (4)
Sábado, 20.12.08

E tudo isto porque tenho bom feitio...

 

Acabei de receber as duas primeiras mensagens (sms) de Boas-Festas-E-Tudo-De-Bom-Para-o-Próximo-Ano. Uma delas de um amigo e outra de um número que não faço a mínima idéia de quem seja.

Há quem goste de começar cedo nisto dos votos e dos desejos. Ou porque julga que é melhor despachar já o "assunto" para no próprio dia não pensar mais nisso ou porque faz questão de ser (ou de tentar ser) o primeiro a mostrar que se lembrou de nós.

 

 Nunca tive pachorra para ter certas atitudes ou para fazer determinadas coisas só porque é hábito. Só porque "fica bem". E sinto que vou tendo cada vez menos estômago para engolir a postura de maria-vai-com-as-outras. 

Já tinha decidido e vou fazê-lo: mensagens ou mails meus com frases mais do que batidas acerca da época... não contem comigo!

 

Quem é realmente meu amigo receberá, no mínimo, um telefonema de viva voz ou uma visita minha com direito a um abraço que não exige palavras.

Que amiga seria eu se estivesse a contabilizar os cêntimos que pouparia se, em vez de telefonar, mandasse apenas mensagem? Ou (pior ainda!) se estivesse pura e simplemente a aproveitar o facto de ter mensagens grátis e vai daí... bora lá enviar sms para os que são da mesma rede (mas só da mesma rede!)?

Seria uma merda. Nem amiga de merda seria.  Seria apenas uma merda.

 

Quem me envia votos disto e daquilo e cujo número não reconheço... não terá direito a coisa alguma. Porque se me conhece e só me contacta nesta altura (daí nem fazer parte dos meus contactos!), então, lamento informar, mas desejo que se vá catar e encher de moscas!

Eu dispenso que se lembrem de mim ou que tentem ser lembrados uma vez por ano, só porque é Natal e o Menino Jesus nasceu e há fraternidade e paz no ar  e somos todos irmãos e mais uma porrada de coisas hipócritas e sem sentido. E sem serem sentidas também.

Se não mereço um "Olá, como estás?" durante todo o ano, poupem-se agora ao trabalho de vir com frases feitas, sim? Até porque poderia dar-se, inclusive, o caso de eu já ter morrido... Já pensaram nisso?

 

A amizade passa por gestos (pequenos até), por uma troca de sorrisos, de confidências, de olhares; por uma partilha de pensamentos, de alegrias, mas também de tristezas, de vitórias e de derrotas.

 

A amizade passa por ESTAR. Não se resume a carregar numa tecla que dá ordem para ENVIAR.

 

(Velvet Revolver - Messages)

 

E tudo isto, só porque, hoje, estou muito bem disposta e com o meu bom feitio no auge...

 

 

publicado por Teia d´Aranha às 14:27 | Comentar | Ver comentários (54)
Quarta-feira, 25.06.08

I'm back... but...

Hoje recebi algumas reclamações pelo facto de andar menos assídua nas minhas "postagens"... É verdade que, para quem visita a Teia com alguma regularidade, é um pouco estranho, mas tudo tem uma explicação.

 Uma delas é que estou numa fase em que o trabalho é mais do que o habitual, o que me retira algum tempo para me dedicar ao blog como eu gostaria. A outra está directamente relacionada com a minha disposição, ou melhor, com a falta dela... E o que faço quando ando mais "murcha"? Evito escrever. E porquê? Porque, estupidamente, achava que o facto da maioria dos meus posts evidenciaram quase sempre os meus momentos de boa disposição e de humor em alta, isso deveria ser uma constante, deveria ser a imagem de marca do meu blog.

Só que ninguém está sempre feliz, ninguém acorda sempre bem-disposto, ninguém ostenta um sorriso no rosto 24 horas por dia, ninguém tem dias sempre perfeitos...

Então, por que não partilhar também os meus momentos menos felizes, em que me sinto menos bem, triste, magoada ou simplesmente "lixada" com algo ou com alguém que me tenha pura e simplesmente f*did* o juízo? Afinal, sou uma Teia, mas vejo, ouço e sinto!

Pois... esta semana... tem sido assim: cheia de "quedas" e de  bestas quadradas que se acham donas da razão! E o pior é que a semana ainda não chegou ao fim! Com um bocado de sorte ainda corto os pulsos ou me atiro do Cristo-Rei...

 

Pronto, agora que já partilhei convosco parte dos motivos que provocaram a minha inusitada ausência... resta-me... virar a página...

(Metallica - Turn The Page) *

 

* Hoje a escolha não foi minha, mas foi muito boa...

 

Sinto-me: murcha!
publicado por Teia d´Aranha às 23:44 | Comentar | Ver comentários (26)
Domingo, 17.02.08

All around me

 

Todos nós temos momentos de menos inspiração, de menos criatividade... Eu não fujo à regra. Mas, mesmo nesses momentos, apetece-me vir aqui e aumentar a minha "teia"... Há quem deixe poemas, fotos, frases ouvidas ou lidas, imagens...

Eu gosto de partilhar uma das coisas que mais me preenche: a música... Sempre a música!

Há pouco tempo descobri esta... E agradou-me! Sou a única a gostar?

  

(Flyleaf - All Around Me)

 

My hands are searching for you
My arms are outstretched towards you
I feel you on my fingertips
My tongue dances behind my lips for you

This fire runs in through my being
Burning I'm not used to seeing you

I'm alive, I'm alive

I can feel you all around me
Thickening the air I'm breathing
Holding on to what I'm feeling
Savoring this heart that's healing

My hands float up above me
And you whisper you love me
And I begin to fade
Into our secret place

The music makes me sway
The angels singing say we are alone with you
I am alone and they are too with you

I'm alive, I'm alive

I can feel you all around me
Thickening the air I'm breathing
Holding on to what I'm feeling
Savoring this heart that's healing

And so I cry (holy)
The light is white (holy)
And I see you

I'm alive, I'm alive, I'm alive

I can feel you all around me
Thickening the air I'm breathing
Holding on to what I'm feeling
Savoring this heart that's healing

Take my hand
I give it to you
Now you own me
All I am
You said you would never leave me
I believe you
I believe

I can feel you all around me
Thickening the air I'm breathing
Holding on to what I'm feeling
Savoring this heart that's healed

 

Sinto-me: desinspirada...
publicado por Teia d´Aranha às 22:55 | Comentar | Ver comentários (18)

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

2008:

 J F M A M J J A S O N D

 

  • El meu marit i jo vam tenir la sort de tenir un pr...
  • Oláaa, alguém sabe onde se encontram...
  • Pode ser interessante...Para quem gosta e QUER esc...
  • Fiquei triste, admirava mesmo a forma como escrevi...
  • É pena! O que aqui encontrei foi um regalo para os...

subscrever feeds