Um Rei nunca tem medo medo de Nada!

 

 

 

Lá, em Alvalade, Paulo Bento ergueu Liedson para que todos os lampiões pudessem vê-lo. Um sonoro rugido de boas vindas ecoou no ar. 
Os leões festejaram e as águias curvaram seus pescoços em respeito ao futuro Rei.

Liedson viu o semblante do seu treinador que apareceu envolto numa nuvem e, antes de partir, lhe disse: "Levezinho, tu precisas de ocupar o teu lugar neste campeonato. Lembra-te de quem és. Com tranquilidade!" .
Liedson respirou fundo, olhou para a onda verde que se agigantava diante de si e exclamou: "Mal posso esperar para ser Rei!".

 

E assim se cumpriu.

 

In Rei Leão, adaptado por Teia d'Aranha

 

publicado por Teia d´Aranha às 14:12 |